---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Profissionais da Educação de Arabutã obtêm informações sobre atividades remotas

Publicado em 04/05/2020 às 14:37 - Atualizado em 04/05/2020 às 14:37

Na segunda-feira, dia 20 de abril, os profissionais da educação reuniram-se virtualmente para a apresentação e discussão do plano de atendimento emergencial da rede de ensino de Arabutã/SC. No turno matutino a conversa foi com os profissionais do Ensino Fundamental e no vespertino os profissionais da Educação Infantil, pois cada nível possui suas especificidades que precisam ser consideradas.

Na oportunidade a Secretária de Educação, Edenice Patzlaff, junto a equipe de planejamento, apresentou os encaminhamentos relacionados as atividades complementares não presenciais no período de isolamento como medida de prevenção do COVID-19.
 
A reunião foi bastante produtiva com discussões muito pertinentes e orientações necessárias para esclarecimentos em relação ao trabalho que acontecerá durante este período. "Como se trata de um momento excepcional, exige muita cautela e responsabilidade.  E a melhor forma de procurar contemplar todas as necessidades é agir democraticamente. É muito importante que os profissionais participem desse processo, sugerindo, contribuindo, trocando ideias e tirando dúvidas. Será um aprender juntos, com muita colaboração, criatividade e dedicação de todos os envolvidos", destaca a Secretária da Educação.
 
A manhã de quarta-feira, dia 22 de abril, aconteceu de forma virtual, pelo aplicativo zoom, a formação do grupo de profissionais da rede municipal de ensino, com o objetivo de apresentar possibilidades e ferramentas tecnológicas que possam ser utilizadas durante o período. A formação dos profissionais é essencial para que o processo possa ocorrer da melhor forma, bem como para dar mais segurança e qualidade a todos os envolvidos. Todas as ferramentas e orientações aos profissionais estarão sendo feitas e acompanhadas pelo professor de educação digital, Douglas Reckers, efetivo na rede municipal.
 
O encaminhamento das orientações aos pais ocorreu durante esta semana. "Estamos procurando organizar tudo da forma mais acessível e pensando em todos que compõe nossa comunidade escolar. Nesse período estamos todos em processo de adaptação e aprendizagem. Para que esta proposta de atividades remotas possa atingir os seus objetivos, todos os envolvidos precisam cumprir com o seu papel profissionais da educação, pais e alunos", conclui Edenice Patzlaff.